A Índia está tomando uma dura postura em relação às criptomoedas. Segundo o anúncio do ministro de finanças Arun Jaitley, “o Bitcoin não é uma forma válida de dinheiro”, sendo assim, o país está se encaminhando para regulamentar o comércio de criptomoedas. Muitas pessoas na comunidade de criptomoedas entenderam o anúncio de Jaitley como uma suposta proibição. Entretanto, enquanto o governo tomou uma postura para rejeitar as criptomoedas como dinheiro, esse posicionamento não afetou a troca regulamentada de ativos criptográficos.

PAINEL REGULADOR

Nova Deli irá nomear um regulador para supervisionar as trocas de ativos criptográficos não regulamentados, disse o ministro de finanças. Mês passado, bancos indianos suspenderam as contas de grandes corretoras de criptomoedas, citando transações suspeitas.

O secretário de assuntos econômicos, S.C. Garg, disse à CNBC TV18, que o governo irá criar um painel para analisar as questões relacionadas às criptomoedas. Esse painel apresentará seu relatório em 31 de março, “o governo tomará as medidas necessárias para tornar as criptomoedas como uma forma ilegal de tipo de pagamento”. Diz ainda que ativos em corretoras não reguladas passariam a ser regulados.

“Nós esperamos ainda nesse ano fiscal, que o comitê finalize suas recomendações… certamente, irá ocorrer uma regulamentação.”

Ano passado em um pronunciamento ao Parlamento, o ministro das finanças Arun Jaitley disse que as criptomoedas não são uma forma válida de deinheiro na Índia. Como muitas outras agências regulatórias ao redor do mundo disseram, a Índia tomará todas as medidas para eliminar o uso de criptomoedas para o financiamento de atividades ilegítimas. O governo indiano repetidamente alertou contra investimentos em criptomoedas, afirmando serem esquemas de pirâmide.

BOAS VINDAS ÀS REGULAMENTAÇÕES

O Chefe de um grupo de investimento, Ajeet Khurana, está conscientizando o funcionamento das criptomoedas na Índia, de acordo com a Forbes. Seguindo os comentários do ministro das finanças, Khurana disse estar feliz apenas pelo fato do ministro ter abordado o tema das criptomoedas no orçamento nacional do país.

“Reconheci que foi um passo na direção certa. Ter um ministro de finanças falando que as criptomoedas não são uma forma válida de dinheiro é perfeitamente lógico… todas as nações, exceto o Japão, tomaram essa postura. Não quer dizer que o comércio de criptomoedas seja ilegal, mas traz seus próprios riscos, assim como qualquer outro tipo de investimento em ações no mercado.”

Sandeep Goenka,  co-fundador da Zebplay, chefe do recém-formado conselho de fintech, compartilhou da opinião de Khurana.

“O governo atual tem a mente aberta e essas mudanças são bem vindas para aqueles que estão desenvolvendo tecnologias revolucionárias. A melhor forma de fortalecer o sistema se dará pela utilização de canais bancários, angariando novos clientes e legitimando o comércio de criptomoedas. As maiores operações de Bitcoins na Índia já estão implementando essas medidas, e serão a prática padrão.”